Em meio a invasões de palco, topo das paradas e lágrimas em programas de TV, Kanye West segue em sua egotrip sem fim. Dessa vez o cara pagou de ator e estrelou We Were Once a Fairytale, curta metragem do diretor Spike Jonze. No filme o rapper representa um sujeito, digamos, atordoado. E ao que parece qualquer semelhança com sua própria vida não é mera coincidencia.

Particularmente, achei péssimo. Não que eu não” tenha entendido o que Jonze quis dizer”, vi, entendi mas não me convenci. Nem a tentativa de um grand finale surreal salvou o filme. Se a sua curiosidade supera a sensação de ter jogado 10 minutos de vida no lixo, é só clicar no play.

Vodpod videos no longer available.
Anúncios

Kanye “ironia” West

Setembro 24, 2009

Depois de estragar a noite de entrega de prêmios do VMA, da MTV americana, como foi mostrado aqui, Mr. Kanye West volta a cena.

Ele postou em seu blog um vídeo de divulgação da turnê que fará ao lado da cantora Lady Gaga. O nome da turnê: “Fame Kills” (A fama mata).

O vídeo é bastante provocante e mostra uma loira nua, que não sei se é a cantora (confesso que não tenho muita noção de quem ela seja visualmente), cobrindo os seios com o braço, sendo abraçada por um homem negro (pode ser que seja Kanye), em alusão aos dois artistas. No final do teaser da turnê aparece os dizeres “fama mata” e em seguida “West + Gaga”.

A “Fame Kills Tour” começa no dia 10 de novembro em Phoenix e vai até o dia 24 de janeiro, em Dallas.

Irônico né. Não sei se o nome já estava pré-determinado antes do acontecimento no VMA, mas se não, o cara sabe se promover e ganhar dinheiro.

Cuidado Kanye, a fama pode matar!

O rapper norte-americano Kanye West estrapolou no último fim de semana.

Na entrega de um prêmio, no VMA (Video Music Awards), da rede de tv MTV, Kanye estragou o momento da cantora Taylor Swift. Quando ela foi receber o prêmio, Mr. Yeezy pegou o microfone e falou que seu clipe não era melhor do que o da Beyonce, e que essa deveria ganhar.

Momento ridículo e que queimou o rapper. Espera-se que ele de uma controlada no seu ego, que é bem elevado.

E essa não foi a primeira vez que ele fez isso. Em 2006, na entrega do EMA, após perder o prêmio de melhor clipe para a banda francesa Justice, Kanye invadiu o palco e disse que seu clipe era melhor, tinha custado 1 milhão de dólares, tinha a Pamela Anderson no elenco e não aceitaria perder para um clipe como o do Justice.

Se continuar fazendo isso será sempre motivo de piada.

Saindo do forno

Agosto 20, 2009

Vazou hoje o video de Run this Town, segundo single de Blueprint 3, novo álbum de Jay-Z com lançamento marcado para 11 de setembro. A direção ficou por conta Anthony Mandler, que já tinha assinado o clipe de D.O.A. (Death ofo Auto-Tune), primeiro single do disco.

As cenas de Run this Town (“comande essa cidade”) retratam uma espécie de tribalismo urbano contemporâneo, o que, para o meu gosto, não é lá muito representativo. Mas a música é boa, e conta com participações refinadas de Rihanna e Kanye West.

Vodpod videos no longer available.

more about “Saindo do forno“, posted with vodpod

Kanye West, além de excelente músico e produtor musical, também leva jeito em direção de vídeo (no caso, vídeo-clipe). Esse clipe foi dirigido por ele. É o cara.


Drake – Best I Ever Had